9 FREIRAS FICARAM GRÁVIDAS NUM MOSTEIRO E AFIRMAM QUE FOI UM MILAGRE!

As freiras engravidaram mas garantem que não tiveram relações amorosas e atribuem a gravidez a um milagre!

A noticia foi publicada recentemente por jornais italianos e tem gerado muita polémica.

Tudo aconteceu num mosteiro feminino de Milão, onde foram abrigados cinco refugiados do Norte da África. A princípio, as irmãs superioras acreditaram estar a fazer caridade inspiradas pela graças de Deus, ajudando os homens perseguidos nos seus países de origem.

Tudo ia muito bem, até as intenções originais serem extrapoladas, pois segundo o Giornale Italiano, nove jovens freiras apareceram grávidas. A Madre Superiora Abadessa, cuja mãe idosa está gravemente doente, deixava o mosteiro durante a noite, mesmo devendo permanecer no recinto para controlar as noviças, detalha a notícia da publicação italiana.

Possivelmente, as irmãs mais novas aproveitaram a situação, passando noites com os refugiados após as orações do dia. Mas após 6 meses, as barrigas cresceram. As religiosas foram obrigadas a fazer o teste de gravidez e, após comprovação, tiveram que abandonar a vida monástica.

As irmãs garantem: “Nós não fizemos nada de errado. Estes sofredores necessitaram de amor e conforto. Maria também engravidou, permanecendo virgem, e a inocência [de Maria] é sabida tanto por Madre Abadessa como por nós. Recebemos o mesmo milagre, não há outra explicação. Agradecemos a Deus por isso.”

Segundo as religiosas, tal situação é a prova de que, “se Maria voltasse hoje ao nosso meio, muitos homens que se dizem piedosos e religiosos não acreditariam na sua virgindade e diriam que ela tem feito coisas pecaminosas”.

Mas um dos refugiados fez o seguinte relato sobre o incidente: “A gente se divertiu com as irmãs e vamos aconselhar este lugar para todos os nossos amigos. Obrigado, irmãs. Obrigado, Itália.“

Agora diz-me lá se o mundo não anda realmente de pernas para o ar!?

06/07/2017

Fonte: universocetico.blogspot.pt

Comentários